5 perguntas sobre o futuro para Wilson Lima, Diretor de RH da Youse Seguros



Conheci o Wilson Lima esse ano em nossa participação, junto com a Soraya Bahde, para o Programa Felicidade Ilimitada da Rádio Globo. Mesmo sem nunca termos falado antes na vida, foi incrível como o papo com ele e com a Soraya fluiu - a ponto de acharmos que era uma pegadinha depois que a gravação acabou depois de uma hora de conversa sem parar.


O Wilson é Diretor de RH da Youse Seguros. Abaixo você pode conferir o resultado de nosso papo. Falamos sobre o protagonismo do RH, das habilidades do futuro e, ao final, rolou até indicação de três ótimos livros para quem deseja se tornar um líder relevante na próxima década.


Segue o papo!


1. Na sua visão, o que faz um RH ser relevante e gerar alto impacto em uma organização?

Estar verdadeiramente conectado com as dores e desafios da empresa. E reagir muito mais às mudanças do que a um plano (não que planos não sejam importantes).


É mais do que RH estratégico. Afinal de contas, se uma área está ligada a estratégia, ela é estratégica, o RH deve fazer parte do cotidiano de todas as discussões da empresa. Quando o RH não é convidado para estas discussões, ao invés de pensar que está sendo negligenciado, deve atentar-se o quanto pode estar sendo irrelevante, daí os "não-convites".

2. O que falta para o RH passar a atuar dessa forma? Quais as principais habilidades que Líderes e Profissionais de RH precisam desenvolver?

Ser mais profundo nas análises, tomando cuidado com os clichês.

Muitos fazem sentido e outros são puro modismo.


Outra coisa importante é conviver bastante tempo com outras áreas. Se quase 100% do seu tempo você vive RH, terá dificuldade de entender dores de outras áreas. Por isso, é fundamental estar presente aonde de fato as coisas acontecem. Além de aumentar o conhecimento, aumenta a credibilidade.


As habilidades eu trataria 3 como prioridade: inconformismo, curiosidade e a promoção contínua da diversidade. Apesar de estarmos falando de futuro, creio que estes 3 pontos são atemporais.

3. Na sua visão, quais as principais características das Organizações que terão destaque nessa Era Digital? Quais os principais desafios das organizações mais tradicionais para poder competir nesse ambiente?

Creio que as organizações que genuinamente cuidem de pessoas, no sentido mais amplo da palavra.