Apertem os cintos: o escritório sumiu!



E se os funcionários da sua empresa pudessem trabalhar de qualquer parte do mundo?


E se você não se precisasse se limitar à sua cidade, ao seu Estado e ao seu país para contratar os melhores talentos?


E se a sua organização fosse estruturada para operar remotamente?


Ter todos os funcionários atuando em um mesmo espaço físico, trabalhando de 9h-18h, de forma departamentalizada, é uma ideia poderosa da Revolução Industrial.


Tão poderosa que resiste até hoje.

É claro que o ser humano curte proximidade e isso ajuda na construção e desenvolvimento de times.


Mas, há organizações que estão subvertendo essa lógica.


Pode ser uma ideia que não funcione para todas as empresas. E que tb não funcione para algumas pessoas.


Mas é interessante conhecer novas formas de atração e gestão de talentos para um perfil de profissionais que desejam mais autonomia e liberdade, entregando resultados em alto nível de qualquer lugar do planeta.


Não, não estamos falando de políticas de home-office.


São organizações remotas.

Algumas delas sequer têm escritórios próprios.



Funcionários recebem um budget para custear sua infra-estrutura (Internet, Luz, Espaço Físico, etc).


Fazem suas reuniões online, entregam as ações acordadas e fazem os resultados acontecerem nos horários que melhor produzem.


A Automattic, por exemplo, empresa que é dona do Wordpress, decidiu DESATIVAR o seu escritório em San Francisco. E não é pq o negócio está ruim.


Motivo? Seus + de 800 funcionários NUNCA aparecem por lá.


Eles são uma empresa 100% remota.